Vendas de carros ingleses mistas no primeiro trimestre de 2018

Em oposição ao resto do mercado automóvel em Portugal que cresceu 5,5% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período de 2017, as marcas inglesas registaram resultados mistos nas vendas de ligeiros desde o início do ano.

No primeiro lugar do ranking das marcas britânicas aparece a MINI com 784 unidades vendidas no primeiro semestre (mais 10 que em 2017, representando um aumento de 1,3%), seguida da Jaguar com 237 unidades (219 no ano anterior e um aumento de 8,2%) e a Land Rover a fechar o pódio, com uma quebra acentuada nas vendas de 26,3%, passando de 281 para 207 unidades vendidas. A Bentley triplicou o número de unidades vendidas (3 contra 1 em 2017) mas a Aston Martin baixou de 5 para 2 unidades registadas até 31 de Março. Nos primeiros três meses do ano, as inglesas registaram 1233 ligeiros novos, contra os 1280 até 31 de Março de 2017, uma diminuição de 3,6% nas vendas.

A grande quebra da Land Rover será a responsável por esta diminuição nas vendas, uma vez que os seus principais modelos, o Discovery Sport e o Evoque se aproximam do final do ciclo de produção. Também a MINI deverá olhar para estes resultados com cautela, uma vez que o envergonhado aumento das vendas da marca no primeiro trimestre tem já em conta a nova geração do Countryman, que se encontrava em final de vida nos primeiros meses de 2017.

De destacar o bom resultado da Jaguar que consegue um aumento relativamente expressivo de vendas, numa altura em que a sua gama de berlinas envelhece rapidamente. O sucesso do F-Pace e o início da comercialização do E-Pace terão contribuído de sobremaneira para este crescimento expressivo.

 

Fonte: ACAP

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *